Uma Câmara melhor, mas ainda com sérios problemas. Essa é a avaliação da organização não-governamental (ONG) Ação Pró Cidadania, que acompanha o desempenho dos vereadores de Ribeirão Preto há uma década. O relatório anual com a avaliação, disponibilizado na terceira semana de dezembro, também indicou os parlamentares mais produtivos da cidade, além de apontar as ausências, as votações e até mesmo os atrasos dos edis durante o ano de 2010.

A ONG avaliou os parlamentares durante todas as sessões do ano e divulgou rankings trimestrais com os resultados. Os quesitos avaliados são qualidade e quantidade de projetos, uso da tribuna no pinga-fogo e ordem do dia, participação em comissões e debates, qualidade de requerimentos e frequência. Para cada uma das sete categorias acima, os vereadores foram classificados, em ordem de 1 a 20.

Os dez primeiros de cada categoria recebem uma indicação. A avaliação final avalia a quantidade de indicações entre os dez primeiros que cada vereador teve e distribui pontos de acordo com o desempenho. Pelo critério, Coraucci Neto (DEM), com 37 pontos ficou em segundo lugar.

Comentários

Já Coraucci Netto, vê incoerência entre o resultado do levantamento e a postura de Maria Sitrângulo. "Sempre estou entre os melhores em todas as avaliações que ela faz. Enquanto a população gostar do meu trabalho, eu sou candidato. O dia que a população achar que não sirvo, ela vota em outro. Se estou lá até hoje, é porque a população aceita o que estou fazendo", disse. A reportagem tentou falar com Cícero Gomes, mas ele não foi encontrado.

fonte: dci.com.br

0 comentários :

Postar um comentário