O radialista Coraucci Neto (PSD), de volta à Câmara de Ribeirão como suplente de vereador

Oliveira disse ainda que não conversou com o PMDB e que é "muito cedo" para dizer qual será a posição da bancada da sigla na Assembleia. O candidato do PMDB ao governo do Estado, Paulo Skaf, disputou contra o governador reeleito, Geraldo Alckmin (PSDB).

"Estou disposto a ouvir a região, lutar por educação de qualidade e parar com essa palhaçada de aprovação continuada", disse, ao se referir ao atual sistema de ensino do Estado de São Paulo.

Coraucci, que irá substituí-lo, disse que está satisfeito em voltar para a Câmara. Ele afirmou ter se afastado do meio político desde as últimas eleições.

"Eu tive mais de 3.000 votos [em 2012], tenho que fazer valer isso", disse.

Questionado se irá fazer coro à bancada de apoio à prefeita Dárcy Vera (PSD) na Câmara, disse que será "independente".

"Voto com a minha consciência", afirmou.

Coraucci assume a vaga na Câmara somente no ano que vem. Conhecido na cidade, além de político, ele também é radialista e apresenta um programa de televisão em Ribeirão Preto.


fonte: http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/ribeiraopreto/

0 comentários :

Postar um comentário