CPI do transporte cobrará prefeitura sobre contrato com a Pró Urbano

abril 05, 2017

A intenção da CPI é que sejam apuradas adequadamente e freadas as irregularidades, para que os recursos do transporte público possam beneficiar a população.

A CPI que analisa o contrato de concessão do transporte público, presidida pelo vereador Marcos Papa (Rede Sustentabilidade), ouvirá nesta quinta-feira (06 de abril), o Secretário da Administração, Ângelo Pessini, a Coordenadora da Comissão de Execução do Contrato Graziela Giussiani e um membro da comissão, Ângela Giraldi.  A intenção é saber que medidas a atual administração vai tomar em relação as irregularidades cometidas pelo consórcio Pró Urbano. Além de Papa, compõem a comissão os vereadores Jean Corauci (PDT), André Trindade (DEM), Alessandro Maraca (PMDB) e Paulo Modas (PROS).

Entre os itens que necessitam de esclarecimento estão principalmente o atraso nas obras dos terminais, a postura da prefeitura perante a ação do Ministério Público Estadual, que questiona a quebra de contrato por parte da concessionária, e a situação dos pontos de recarga de bilhetes. 

Posts Relacionados

0 comentários :

Postar um comentário